sexta-feira, 10 de março de 2017

Vida de José

Peguei uma écharpe azul e manchei com tinta guache: representou a roupa manchada de sangue de José.

Imprimi um mapa com o nome EGITO bem forte, enrolei o mapa e amarrei com uma fita.
Acrescentei um par de algemas de rolinho de papel, para mostrar que José foi vendido como escravo e levado para o Egito.

Levei um anel meu - bem chamativo - que é regulável, e foi possível deixar no tamanho do dedinho dos alunos (pois eles quiseram usar o anel de autoridade de José).

Não tinha a caixa de ovos, mas tinha lápis com o número 1... dois lápis, um ao lado do outro, fincados em uma bola de massinha para ficar em pé = os 11 irmãos de José.

Levei um pacotinho de lenços de papel - deixei que uma menininha cuidasse dos lenços... e no momento certo da lição, citei o choro profundo de José... e cada um ficou com um lencinho pra si. A aluna querida simulou o choro e enxugou seus olhinhos. 

A taça especial do Governador José - que foi colocada dentro do saco de alimentos de Benjamim - é um copo aqui de casa, enrolado em papel alumínio.

Eu tinha um porta-retratos, mas não tinha uma foto de família legal.
Então recortei de uma revista e levei para representar nosso bem mais precioso, que é a família, para o fechamento da lição.

..............................
Inicialmente eu mostrei a caixa, mas não mostrei o conteúdo... e fiz a introdução como sugere a revista.
Depois... a cada momento da lição, eu retirava um objeto, dava uns segundos para as crianças observarem bem o que era, e deixava que elas mesmas me contassem à qual episódio da vida de José aquele objeto se relacionava.
Cada criança pegava, examinava... e deixamos sobre a mesa, passando então para o objeto seguinte.

A aula foi produtiva, tendo a atenção de todos os alunos.
Depois fizemos uma tarefinha de pintura com tinta guache e escrita do versículo.
Coloco no anexo para quem desejar baixar:
- texto da lição
- mapa
- folha da tarefa.

Aula by Sandra Mac